in

Como funciona a meditação transcendental?

Dentre as diversas formas de meditação que os tempos atuais nos oferecem, a meditação transcendental se destaca pela sua simplicidade e eficiência.

A correria do dia a dia, os problemas de trabalho e familiares e as demais preocupações, toma grande parte de nosso tempo e, com isso, nos afasta dos momentos de autorreflexão e do diálogo com nosso eu interior.

No entanto, a meditação transcendental é uma prática que pode ser encaixada em um pedacinho do nosso precioso tempo. Com algum tempo de meditação, já será possível sentir uma melhora e experimentar diversos benefícios.

Veja neste artigo como funciona a meditação transcendental e seus benefícios, que tanto colaboram para preservar a saúde mental, força matriz que nos impulsiona cada dia a continuar nossa jornada por este mundo. Confira!

O que é meditação transcendental?

Conhecida como a forma de meditação mais simples e eficiente, a sua prática envolve a transcendência da mente, levando ela ao estado simples de nossa consciência, sem a interferência de qualquer controle ou processo mental.

Ao chegar nesse estado, a mente encontra o seu verdadeiro poder, pois estará sem nenhuma roupagem inserida pelos padrões ditados pelo nosso pensamento. A mente estará nua, irradiando todo seu potencial.

A sua prática remonta a um passado longínquo, sendo iniciada pelos indianos para a busca da felicidade e da paz de espírito interior.

A técnica utilizada é puramente mental, ou seja, através da meditação transcendental, a pessoa projeta sua mente para um estado de total relaxamento, estágio em que deve estar livre de todas as influências materiais que cercam o seu pensamento.

Assim, a pessoa deve se sentir atraída para o estado mais profundo da sua consciência, onde irá entrar em contato com o âmago de o seu próprio ser.

Com a prática, o indivíduo experimenta níveis cada vez mais profundos da consciência. Com isso, o entendimento sobre seu próprio ser vai sendo cada vez mais esclarecido.

O último estágio é aonde o indivíduo chega à plenitude do entendimento de que é um ser divino, alcançando a mais pura percepção.

Onde e quando meditar?

Para praticar a meditação transcendental, basta estar sentado e se sentir confortável. Não há posturas e nem rituais preparatório, mas somente a força da sua mente e um lugar em que esteja sentado confortavelmente.

Quanto à prática, você escolhe o número de vezes que irá fazer ao dia. O momento deve ser escolhido por você. Pode ser de manhã, logo após acordar, antes do almoço ou jantar. Enfim, a meditação transcendental não se limita a horários.

Quanto ao lugar, também não há restrições, bastando que se sinta confortável. Pode ser no banco do carro ou do metrô. Nos minutos de descanso no trabalho ou enquanto espera algum compromisso.

Quais são os benefícios?

O primeiro e mais importante benefício que a meditação transcendental traz relaciona-se com o sentimento que mais nos afeta atualmente: a ansiedade.

Os dias atuais nos ensinam que o tempo é sempre curto. Ao mesmo tempo, nos impõem padrões comportamentais e formas de agir que nos deixam com a sensação de impotência diante do tempo, já que são muitas cobranças que exigem ser cumpridas em um tempo muito curto.

A ansiedade vem como consequência natural desse ciclo vicioso. No entanto, com a prática da meditação transcendental, a mente começa a alcançar estados sem influências dessas preocupações terrenas. Com isso, a ansiedade diminui.

Além disso, a prática da meditação colabora para a sensação de bem-estar, já que estimula a produção de serotonina no nosso organismo.

Por fim, a meditação transcendental evita o desenvolvimento de doenças e demais problemas de saúde, como pressão alta, colesterol, entre outros.

Top 5 meditações matinais para seu dia

CURSO DE COACHING EMOCIONAL: MEDITAÇÃO PARA INICIANTES DO DIA 10/12/2018